REALIZAÇÃO GARANTIDA! PROGRAMAÇÃO GRÁFICA COM PROCESSING

AINDA HÁ VAGAS!

PROGRAMAÇÃO GRÁFICA COM PROCESSING

Horário: 10 sessões (20 Horas)de 30 de março a 15 de maio de 2017 (segundas e quintas) | Pós-laboral (18h00 > 20h00)

Créditos: 2 ECTS

Formador: PEDRO CARDOSO

Pedro Cardoso é designer, doutorado em Arte e Design com a tese “Playing in 7D: An Action-Oriented Framework for Video Games”, mestre em Design da Imagem, e licenciado em Design de Comunicação pela Universidade do Porto. É investigador, membro do ID+, Instituto de Investigação em Design, Media e Cultura, e estuda videojogos, design de interacção, novos media, e mais recentemente, relações entre música e jogos. É professor na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto onde leciona ferramentas digitais, grafismos 3D, e metodologias de projecto e investigação. É músico tendo ultimamente realizado diversas performances com recurso ao live coding, hardware hacking e sintetizadores DIY.

http://pcardoso.tumblr.com/

Destinatários: Maiores de 18 anos. Estudantes de design e artes com frequência universitária (preferencialmente). Designers, artistas, gamers, performers, público em geral com interesse em programação gráfica. Não é necessária experiência prévia em programação.

Propinas:

Inscrição: 50% do valor da propina (deduzida à mesma)

Estudantes, Docentes e Funcionários UP/FBAUP: 80,00 Euros |
Público em Geral:  95,00 Euros |
Seguro escolar: 2,00 Euros |

NOVO PRAZO: INSCRIÇÕES ATÉ 23 DE MARÇO DE 2017.

Candidaturas e Inscrição

Para candidatar-se, selecione a opção INSCRIÇÕES ONLINE

Objectivos

  • Introduzir os estudantes à prática da programação gráfica utilizando uma linguagem de programação amigável e dedicada a designers e artistas;
  • Fornecer aos estudantes um entendimento prático dos fundamentos da computação gráfica, atentando à sua linguagem, sintaxe e terminologia;
  • Criar gráficos generativos e interativos para ecrã e impressão;
  • Promover a autonomia dos estudantes neste campo mediante um contacto formal com um ambiente de programação gráfica.

Programa

  1. Hello World: Começar a programar
  2. Desenhar com código
  3. Variáveis
  4. Feedback
  5. Translação, rotação e escala
  6. Media
  7. Movimento
  8. Funções
  9. Objectos
  10. Listas
  11. Dados
  12. Bibliotecas externas
  13. Projeto: Impressão ou ecrã

—————

Informações

Modo de pagamento:

Taxa de inscrição: paga no ato da inscrição. SEM ESTE PAGAMENTO A INSCRIÇÃO NÃO É CONSIDERADA.

Propina e seguro escolar: pagos até data anterior ao início do curso.

A frequência desta unidade de formação pressupõe o pagamento integral dos valores associados à mesma antes da sua data de início.

Número máximo de participantes: 15 (QUINZE)

A SERIAÇÃO DOS CANDIDATOS É FEITA PELA ORDEM DE VALIDAÇÃO DAS INSCRIÇÕES.

Necessidades a colmatar pelos participantes: computador com Processing instalado (https://processing.org)

Método de avaliação:

As classificações finais serão calculadas a partir da média ponderada da avaliação dos exercícios e projetos e da sua articulação com uma avaliação da participação dos discentes nas aulas e demais atividades letivas:

** Assiduidade: 15%

** Participação nas atividades letivas e realização de exercícios: 35%

** Elaboração de projeto: 50%

* Os projetos não entregues serão classificados com 0 (zero);

* Os projetos não acompanhados não serão motivo de avaliação;

* Todos os projetos entregues fora dos prazos estabelecidos serão penalizados na sua classificação em 20% da classificação total (20).

A Avaliação será feita numa escala de 0 a 20 valores.

A aprovação, a verificar-se, é feita numa escala positiva de 10 a 20 (conforme consta do Regulamento de Criação, Acreditação Interna e Creditação dos Cursos de Formação na Área de Educação Contínua da UP).

Certificação:

Aos  participantes será emitido:

– um certificado de formação contínua com avaliação (classificação quantitativa) e créditos.

A prova de habilitação académica superior, quando solicitada, é da exclusiva responsabilidade do formando e tem de ser apresentada até data anterior ao início do curso.

Aos participantes que desejem frequentar o curso na vertente LIVRE será emitido:

– um certificado de frequência.

A opção dos formandos de frequentar este curso na vertente livre é tomada impreterivelmente em data anterior ao início do curso, e comunicada por escrito através de preenchimento de formulário próprio.

A emissão e atribuição de qualquer tipo de certificado estão condicionadas à frequência do curso/ unidade de formação (mínimo 75%) não excedendo o limite de faltas.

No caso de o formando exceder o limite de faltas e/ou não obter aproveitamento após processo avaliativo, não tem direito a qualquer certificado.

O pedido de emissão de certificado é feito por escrito e a emissão está sujeita a pagamento de emolumentos no valor representado na tabela em vigor.

BIBLIOGRAFIA:
Montfort, Nick, Patsy Baudoin, John Bell, Ian Bogost, Jeremy Douglass, Mark C. Marino, Michael Mateas, Casey Reas, Mark Sample, and Noah Vawter. 2013. 10 PRINT CHR$(205.5+RND(1)); : GOTO 10, Software Studies. Cambridge, Massachusetts and London, England: The MIT Press.
Reas, Casey, and Ben Fry. 2014. Processing: A Programming Handbook for Visual Designers. 2 ed. Cambridge, Massachusetts, and London, England: The MIT Press.
Reas, Casey, and Ben Fry. 2015. Make: Getting Started with Processing. 2 ed. San Francisco: Maker Media.
Runberg, Derek. 2015. The SparkFun Guide to Processing: No Starch Press.
Shiffman, Daniel. 2012. The Nature of Code: Simulating Natural Systems with Processing: Shannon Fry.
Shiffman, Daniel. 2015. Learning Processing, Second Edition: A Beginner’s Guide to Programming Images, Animation, and Interaction: Morgan Kaufmann.

Anúncios