FOTOGRAFIA – REVELAÇÃO/ AMPLIAÇÃO COM PLANTAS, SEMENTES E CAFÉ

FOTOGRAFIA – REVELAÇÃO/ AMPLIAÇÃO COM PLANTAS, SEMENTES E CAFÉ

Horário: 4 sessões (15h) | de 06 a 15 de maio  de 2019 (seg., seg. a qua.) | 17h00 > 20h00/ 21h00

CURSO LIVRE (SEM CRÉDITOS)

Formadores: João Lima e Ricardo Costa Leite

Supervisão Científica: Professora Doutora Susana Lourenço Marques

1.ª SESSÃO – 06 de maio – 3 horas – das 17:00 às 20:00h
2.ª SESSÃO – 13 de maio – 4 horas – das 17:00 às 21:00h
3.ª SESSÃO – 14 de maio – 4 horas – das 17:00 às 21:00h
4.ª SESSÃO – 15 de maio – 4 horas – das 17:00 às 21:00h

JOÃO LIMA
O momento mais memorável da sua carreira  foi na adolescência, quando adquiriu a sua primeira máquina fotográfica, uma Kodak 110, que lhe custou quase 3 semanas de mesada. Desde então, o meio tecnológico da fotografia tornou-se na ferramenta perfeita para todo o desenvolvimento do seu trabalho artístico, sendo ainda hoje a sua ferramenta predileta de investigação. As suas mais recentes produções plásticas apresentadas na exposição intitulada de Transfotografia #01, são igualmente produzidas a partir de uma forte inspiração na técnica, história e conceitos do meio fotográfico. Atualmente encontra-se a realizar Doutoramento em Valência na UPV, em Arte: Producción e investigación. Foi professor na ESAP, Escola Superior Artística do Porto, no curso superior de Fotografia. Trabalha na FBAUP, Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, como técnico superior de Fotografia. Foi professor assistente no ICP – International Center of Photography in New York. Realiza documentação fotográfica para instituições públicas e privadas desde 1997. Desenvolve vários projetos como comissário e artista. Expõe regularmente sob o pseudónimo de limamil e o seu trabalho está representado em diversas instituições e colecionadores particulares.

A sua obra pode ser consultada em: limamil.org

RICARDO COSTA LEITE
Ricardo Costa Leite nasceu em 1978 em Santa Bárbara d’Oeste, estado de São Paulo, no Brasil. Estudou cinevídeo e teatro na Escola Superior Artística do Porto entre 1998 e 2002. Organizou e participou, desde 1999, em variadas Mostras e Exposições dentro da área do Cinema, tendo participado em eventos na Europa, Marrocos, Brasil e Cabo-Verde. Colaborou e trabalhou com instituições como o Cineclube do Porto, Cineclube Amazonas Douro e a Associação de Iniciativas Culturais e Artísticas (AICART), no Porto. Foi um dos sócios fundadores do projecto Átomo47, o único laboratório de cinema independente do país, inaugurado em 2007. Tendo trabalhado maioritariamente no género experimental e em película, voltou ao género documental com a recém finalizada longa-metragem em vídeo “Mazagão, a água que volta”, subsidiada pelo ICA e RTP. É também diretor de fotografia em projetos filmados em película (maioritariamente 16mm). Presentemente, trabalha no seu laboratório de cinema independente de estrutura associativa – Átomo47 que colabora com a Casa da Imagem em V.N. de Gaia. A Átomo47 faz parte de uma lista internacional de 30 laboratórios independentes (www.filmlabs.org) . É monitor de estágio de alunos de Escolas de Artes, como a “École Superieure des Beaux Artes Angers Le Mans” em Tours, França (em projeto Erasmus), ou a Escola Superior Artística do Porto.  É doutorando no curso de Educação Artística da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto.

Destinatários:
Candidatos que já tenham algum conhecimento básico em técnicas fotográficas analógicas. Indivíduos com capacidade para frequentar o Ensino Superior, com interesse na área e que desejam explorar a técnica de revelação alternativa – biodegradável, recorrendo a plantas e sementes. Estudantes do Ensino Secundário da área das Artes Visuais.

Propinas (VER CONDIÇÕES DE PAGAMENTO):
Estudantes, Docentes e Funcionários da FBAUP/ UP:
105,00 Euros |
Público em Geral: 125,00 Euros |
Seguro escolar: 2,00 Euros |

INSCRIÇÕES ATÉ 22 DE ABRIL DE 2019

Inscrição: selecione a opção INSCRIÇÕES ONLINE

Descrição
Será uma formação teórico-prática, com sessões de apresentação de técnicas e de equipamento, seguidas de estudos práticos.
Nesta oficina iremos fotografar no formato 35mm e iremos revelar os rolos com um revelador com base em café e ácido ascórbico: o caffenol-c.
Em seguida,  prepararemos os reveladores de papel, escolhendo entre os agentes reveladores mais fáceis de obter, através do café, hortelã, tomilho e ácido ascórbico. Propomos explorar mais do que um revelador com a mesma imagem para que possamos perceber as potencialidades e limitações de cada um. As fotografias serão realizadas em película a preto e branco e a ampliação em papel gelatina-prata preto e branco.

Conteúdos programáticos
Como funciona a extração química.
Como desenhar uma fórmula.
Como preparar as soluções.
A importância na escolha dos agentes reveladores.
Como explorar a plasticidade de cada um dos diferentes processos.
Revelação das películas realizadas pelos formandos e ampliação em gelatina prata.
Análise do trabalho final; solução de problemas eventualmente apresentados.

Material (necessidades a colmatar pelos participantes):
Câmara fotográfica analógica.

Imagem: João Lima

Informações

Condições de pagamento:

50% do valor total da propina e seguro escolar: pago no ato da inscrição. SEM ESTE PAGAMENTO A INSCRIÇÃO NÃO É CONSIDERADA.

Valor remanescente da propina: pago até data anterior ao início da unidade de formação.

A frequência desta unidade de formação pressupõe o pagamento integral dos valores associados à mesma antes da sua data de início.

Número mínimo de participantes: 08 (OITO)
Número máximo de participantes: 08 (OITO)

A SERIAÇÃO DOS CANDIDATOS É FEITA PELA ORDEM DE PAGAMENTO DAS INSCRIÇÕES.

Certificação:

Aos  participantes será emitido:
– um certificado de frequência.

A não aprovação dos formandos pode resultar de:

  1. Assiduidade inferior a 75% do número de horas presenciais;
  2. A não apresentação do trabalho individual/ portefólio;
  3. Um valor médio de desempenho inferior a 50%.

Para efeito de confirmação de falta será considerada uma tolerância de 15 minutos.

Os formandos que reprovarem por falta de assiduidade só serão considerados para unidades de formação futuras caso haja vagas sobrantes.

O pedido de emissão de certificado é feito por escrito para formcontinua@fba.up.pt no final da unidade de formação, e a emissão está sujeita a pagamento de emolumentos no valor representado na tabela em vigor.

BIBLIOGRAFIA/ DOCUMENTAÇÃO DE APOIO:
Anchell, Steve; The Darkroom Cookbook; (2016) Oxford, Routledge, ISBN-13: 978-1138959187; ISBN-10: 1138959189
G, Reinhol (et al.); The Caffenol Cookbook and Bible, (2012) Community Spirit Publications; ISBN 978-91-981108-0-7