VITRAL CONTEMPORÂNEO: HISTÓRIAS E ARTISTAS

VITRAL CONTEMPORÂNEO: HISTÓRIAS E ARTISTAS

Carga horária: 07 sessões (14 horas)
Calendário: de 05 de abril a 17 de maio 2021 (segunda-feira)
Horário: Pós-laboral (18h00 > 20h00 | GMT)
Regime: ensino a distância (E-learning) SESSÕES SÍNCRONAS – ZOOM | MOODLE | GOOGLE CLASSROOM |TEAMS
Línguas de comunicação: Português (PT) e Inglês (BrE)
INSCRIÇÕES ENCERRADAS!

CURSO LIVRE (SEM CRÉDITOS)

Formadora: Teresa Almeida

TERESA ALMEIDA
Possui graduação em Artes plásticas – Pintura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (2001), mestrado em Master of Arts /Glass – University of Sunderland (2003) e doutorado em Estudos de Arte pela Universidade de Aveiro (2011). Atualmente é responsável pelo grupo de pesquisa ?criativid – Unidade de Investigação Vidro e Cerâmica para as Artes, conselho executivo – Unidade de Investigação Vidro e Cerâmica para as Artes, investigadora – Unidade de Investigação i2ads, Instituto de Investigação em Arte, Design e, professora no Mestrado Glass and Science da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa. É professora auxiliar da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Artes, atuando principalmente nos seguintes temas: arte, vidro, arte e ciência, vidro luminescente e cerâmica.

Destinatários:
Estudantes ou graduados na área das Artes Plásticas, do Design e da Arquitetura, artistas, designers ou arquitetos. Público em geral com capacidade para frequentar o ES, com interesse pelas áreas das artes plásticas, design, vidro e arquitetura.

Se já tem um número de utilizador SiGARRA  e endereço de email institucional, certifique-se de que as suas credenciais são válidas. Caso necessite de novas credenciais, envie pedido para helpdesk@uporto.pt. Todos os contactos encetados por este Gabinete posteriores à submissão do formulário, no caso dos utilizadores SIGARRA com conta INSTITUCIONAL, serão enviados EXCLUSIVAMENTE para a caixa de correio institucional.

CONDIÇÕES DE INSCRIÇÃO E DE FREQUÊNCIA:
– CAPACIDADE PARA FREQUENTAR O ENSINO SUPERIOR;– COMPROVATIVO DE HABILITAÇÃO LITERÁRIA;
– CONHECIMENTOS INTERMÉDIOS AO NÍVEL DA LÍNGUA INGLESA;
– COMPETÊNCIAS INTERMÉDIAS DE INFORMÁTICA AO NÍVEL DO UTILIZADOR;
– LIGAÇÃO EFICIENTE À INTERNET;
– DISPOSITIVO COM COLUNAS DE SOM, MICROFONE E CÂMARA FUNCIONAIS (obrigatório).*

Nota:
ESTUDANTES COM INSCRIÇÃO ATIVA EM 2020/ 2021 EM CURSOS DE 1.º, 2.º OU 3.º CICLOS NA U.PORTO ESTÃO ISENTOS DE APRESENTAÇÃO DE COMPROVATIVO DE HABILITAÇÃO LITERÁRIA.

*Durante as sessões, câmaras, colunas e microfones têm de obrigatoriamente estar a funcionar e ligados.
Download gratuito de fundo de videochamada para dispositivo disponível em:
https://zoom.us/virtual-backgrounds
https://www.nationalgallery.co.uk/page/mymasterpiece
https://www.nationaltrust.org.uk/features/virtual-backgrounds-for-zoom?fbclid=IwAR03P0fCnCnibtyC0IKRFtC7iCKCvYZPeH-CIIJE7f3AkPdoA5bu3WXfaLM


Conteúdos programáticos:

1. História do vitral.

Panorama do Vitral na História da Pintura. Conhecimento dos materiais utilizáveis e dos utensílios. As especificidades da pintura do vitral como arte de fogo. A cor específica do vitral

2. O artista e obra

3. Oficinas e trabalhos

  • Oficinas em Portugal: Ricardo Leone – Lisboa, Antunes – Porto
  • Oficina em Brasil: Casa curado

4. Europa pós-guerra, o que mudou.

        A cor específica do vitral. O caso específico do vitral na pintura monumental

5. Vidro artístico e a arquitetura.

  • Estúdios e obras
  • Arte publica: architectural glass

Propinas:
Estudantes, Docentes e Funcionários UP/FBAUP:
55,00 Euros |
Alumni FBA/ ESBAP: 67,50 Euros |
Público em Geral: 75,00 Euros |

INSCRIÇÕES: ENCERRADAS

Imagem: (c) Marc Chagall

Informações

Condições de pagamento:

50% do valor total da propina: pago no ato da inscrição. SEM ESTE PAGAMENTO A INSCRIÇÃO NÃO É CONSIDERADA.

Valor remanescente da propina: pago até data anterior ao início da unidade de formação.

A frequência desta unidade de formação pressupõe o pagamento integral dos valores associados à mesma antes da sua data de início.

Número mínimo de participantes: 10 (DEZ)
Número máximo de participantes:  15 (QUINZE)

A SERIAÇÃO DOS CANDIDATOS É FEITA PELA ORDEM DE PAGAMENTO DO VALOR ASSOCIADO À INSCRIÇÃO.

Método de Avaliação:

A avaliação será contínua, contando no final com uma apreciação qualitativa dos trabalhos executados ao longo da unidade e organizados em portefólio. A atribuição do resultado consequente da avaliação contínua global será A (aprovado)/ R (reprovado).

A não aprovação dos formandos pode resultar de:

  1. Assiduidade inferior a 75% do número de horas presenciais;
  2. A não apresentação do trabalho individual/ portefólio;
  3. Um valor médio de desempenho inferior a 50%.

Certificação:
Aos  participantes será emitido:
– um certificado de frequência.

A não aprovação dos formandos pode resultar de:

  1. Assiduidade inferior a 75% do número de horas presenciais;
  2. A não apresentação do trabalho individual/ portefólio;
  3. Um valor médio de desempenho inferior a 50%.

Para efeito de confirmação de falta será considerada uma tolerância de 15 minutos.

Os formandos que reprovarem por falta de assiduidade só serão considerados para unidades de formação futuras caso haja vagas sobrantes.

O pedido de emissão de certificado é feito por escrito para formcontinua@fba.up.pt, no final da unidade de formação, após tomada de conhecimento da avaliação,  e  a emissão está sujeita a pagamento de emolumentos no valor representado nesta tabela em vigor.

BIBLIOGRAFIA/ DOCUMENTAÇÃO DE APOIO:

Bottari, Megan; Klaus Moje: Glass. Object Craftsman house, 2007
Neiswander J, Swah C; Stained & Art Glass, A Unique History of Glass Design & Making, The Intelligente Layman, 2005
Klein D; Lloyd W; The history of glass, Crescent Book, 1984
Petrie, K; Glass and Print, Glass handbooks, A & C Black Publishers, 2000
Moris, E; Stained & Decorative Glass, Chancellor Press, 2000
Clarke, B.; Brian Clarke, Architectural Artist, Arte & Design monographs, Academy Editions, 1994
Clarke, Brian (ed) Architectural stained glass. Architectural Record, 1979
Charbonneaux AM, Norbet H; Architectures de Lumiére – vitraux d’artistas 1975 – 200, 2000
Moor A; Colours of Architecture: coloured glass in contemporary buildings, Mitchell Beazley, 2006
Moor Andrew; Contemporary Stained Glass. Mitchell Beazley Publishers, 1989
Lee, Lawrence, Seddon, George, Stephens, Francis; Stained Glass. Mitchell Beazley Publishers, 1976
Oldknow, T.; Contemporary Glass Sculptures and Panels. Selection from the Corning Museum of Glass, New York: Corning Museum of Glass in association with Hudson Hills Press, 2008
Bédoyère, C.; Louis Confort Tiffany masterworks, Flame tree publishing, 2007