WORKSHOP DE PINTURA PLEIN AIR

Carga horária: 06 sessões | 24 horas de contacto
Calendário:
de 25 de junho a 30 de julho de 2022 (sábados)
Horário:
09h30 > 13h30
Regime:
presencial
Língua de comunicação:
Português (PT)
Local de realização:
vários locais na cidade do Porto, a indicar (poderão ser incluídos locais em Leça da Palmeira – Matosinhos, e Vila Nova de Gaia.)*
Prazo para candidaturas:
CONCURSO ENCERRADO

*NOTA: se as condições atmosféricas se mostrarem adversas à realização da formação ao ar livre, será indicado outro local que providencie abrigo.

FORMAÇÃO LIVRE (SEM CRÉDITOS) COM CERTIFICAÇÃO (OPCIONAL)
FORMAÇÃO ACREDITADA CIENTIFICAMENTE PELO CONSELHO CIENTÍFICO DA FBAUP

Formadora: Cristina Troufa

Supervisão Científica: Professor Doutor Domingos Loureiro

CRISTINA TROUFA
Cristina Troufa nasceu no Porto em 1974. Em 1998 conclui a Licenciatura em Artes Plásticas, Pintura pela FBAUP – Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, e em 2012 conclui o Mestrado em Pintura, também pela FBAUP. Desde 1995 que participa em exposições coletivas e individuais, em galerias de arte e espaços culturais em Portugal, França, Espanha, Itália, Austrália, Canadá, Dinamarca, Taiwan, Inglaterra e EUA.
Em 2014 e 2016 foi artista convidada na “Bienal de Arte Contemporânea de Salerno“, Itália. Em 2015 foi membro de júri no concurso “PortugArt” (D-Contemporary, Londres), na seleção de artistas portugueses para exposição coletiva que teve lugar em 2016 na mesma cidade e na qual foi artista convidada.
O seu trabalho vem referenciado, entre outras publicações, no “Art Revolution Taipei 2015” (2015), no “The New Collectors Books” (2014), no “Empty Kingdom Top 100 Artists of 2013” (2014) e n’„O Livro de Ouro da Arte em Portugal“ (2006). O seu trabalho está representado, entre inúmeras coleções particulares em Portugal e no estrangeiro, nas seguintes coleções: Liberty Seguros, Museu Municipal de Espinho, FBAUP – Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, FADEUP – Faculdade de Desporto da Universidade do Porto e MAEDS – Museu de Arqueologia e Etnografia do Distrito de Setúbal.

http://cristina-troufa.blogspot.com/

Destinatários:
Estudantes de Artes Plásticas.
Candidatos com grau académico superior em Artes Plásticas.
Público em geral com interesse pela Pintura e formação elementar certificada em Pintura, com capacidade para frequentar o Ensino Superior.

Pré-requisitos:
Espera-se que os candidatos tenham competências intermédias de Informática ao nível do utilizador que lhes permitam trabalhar autonomamente com o SiGARRA e com o WEBMAIL FBAUP.

Se já esteve inscrito na U.Porto, tem um número de utilizador SiGARRA  e endereço de email institucional atribuídos. Certifique-se de que as suas credenciais são válidas. Caso necessite de novas credenciais, envie pedido para helpdesk@uporto.pt. Todos os contactos encetados por este Gabinete posteriores à submissão do formulário, no caso dos utilizadores SIGARRA com conta INSTITUCIONAL, serão enviados EXCLUSIVAMENTE para a caixa de correio institucional.

CONDIÇÕES DE INSCRIÇÃO E DE FREQUÊNCIA:
– CAPACIDADE PARA FREQUENTAR O ENSINO SUPERIOR;
– COMPROVATIVO DE HABILITAÇÃO LITERÁRIA;
– COMPROVATIVO DE FORMAÇÃO EM PINTURA.

Nota:
ESTUDANTES COM INSCRIÇÃO ATIVA EM 2021/ 2022 EM CURSOS DE 1.º, 2.º OU 3.º CICLOS NA U.PORTO ESTÃO ISENTOS DE APRESENTAÇÃO DE COMPROVATIVO DE HABILITAÇÃO LITERÁRIA.

Apresentação:
Esta formação irá desenrolar-se em diferentes locais fora do campus, com o objetivo de os participantes aprenderem uma variedade de técnicas de pintura sob cambiantes atmosféricas e de luz. A formação é ótima tanto para formandos com nível intermédio como avançado. Contudo, as competências básicas de pintura também são incorporadas ao longo das sessões, com opções avançadas à medida que as mesmas se vão desenrolando. Os projetos ao ar livre permitem que cada participante pinte ao seu próprio ritmo e passe mais tempo desenvolvendo ideias e competências. Nesta formação, o processo é privilegiado e o revés é aceite. A aventura é a nossa prioridade; o clima é o nosso co-criador. Os projetos finais serão baseados em conceitos individuais, permitindo que cada pessoa se expanda de forma criativa e que desenvolva sua própria voz.

Programa:
1 – Céu e Nuvens

  • Nuvens – diferentes tipos e formas
  • Efeitos impressionistas – pinceladas fragmentadas e justapostas de cores puras e brilhantes, mistura óptica de cores
  • Pintar a luz

2 – Tom e Contorno

  • Perspectiva Linear
  • Formas existentes numa paisagem
  • Valor Tonal

3 – Distância e Perspectiva  Aérea

  • Profundidade
  • Atmosfera
  • Cores quentes /cores frias

4 – Detalhe e textura

  • Destacar o primeiro plano
  • Adicionar textura
  • Contraste de cor e tom

5 – Características da paisagem

  • Paisagem natural /paisagem humanizada
  • Simplificação de formas e detalhes
  • Escala

6 – Composição

  • Organização Visual
  • Harmonia e Equilíbrio
  • Ritmo Visual

NECESSIDADES A COLMATAR PELOS PARTICIPANTES:
– Tintas acrílicas ou óleo
– Tela(s) engradada(s) ou tela(s) MDF entelado (máximo 30 cm de lado)
– Pau de carvão vegetal para desenhar
– Prancheta ou cavalete portátil
– Paleta
– Pincéis
– Panos ou farrapos
– Recipientes para água ou terebentina
– Avental ou bata (opcional)
– Banco portátil (opcional)

Sendo a atividade ao ar livre, recomenda-se o uso de roupa e calçado adequados às condições climatéricas, bem como chapéu e protetor solar. Solicita-se também que sejam tomadas as devidas precauções considerando a evolução do contexto pandémico atual. Os materiais estão a cargo de cada participante.

Propinas:
Inscrição: 50,00 Euros (NÃO REEMBOLSÁVEIS) |
Estudantes, Docentes e Funcionários UP/FBAUP: 105,00 Euros |
Alumni FBA/ ESBAP: 115,00 Euros |
Público em Geral: 135,00 Euros |

Seguro Escolar: 2,00 Euros

Ao candidatar-se, o participante reconhece ter tomado conhecimento do Regulamento do Gabinete de Formação Contínua, que aceita expressamente e sem qualquer reserva.

CANDIDATURAS:
Concurso encerrado

(c) imagem:
José Malhoa,
“Dois Artistas Pintando à Beira-mar”, 1918,
óleo s/tela
(Museu Calouste Gulbenkian)

Informações

Condições de pagamento:

50,00 Euros pagos no ato da candidatura. SEM ESTE PAGAMENTO A INSCRIÇÃO NÃO É CONSIDERADA.

Propina e seguro escolar: pagos até data anterior ao início da formação.

A frequência desta formação pressupõe o pagamento integral dos valores associados à mesma antes da sua data de início.

Nota: A partir do momento em que é concretizada a matrícula, são sempre devidas as propinas, ainda que o(a) candidato(a), por uma qualquer razão já não tenha interesse em frequentar o curso. Se por qualquer motivo, no ato da matrícula, o candidato não proceder ao pagamento da propina, não fica isento do pagamento da mesma em caso de anulação, tenha ou não iniciado o curso.

Número mínimo de participantes: 10 (DEZ)
Número máximo de participantes:  15 (QUINZE)

A SERIAÇÃO DOS CANDIDATOS É FEITA PELA ORDEM DE PAGAMENTO DO VALOR ASSOCIADO À CANDIDATURA.

Método de avaliação:
A avaliação será contínua, decorrente da participação e do envolvimento na resposta às solicitações e às propostas  de discussão e de trabalho apresentadas. A atribuição do resultado consequente da avaliação contínua global será A (aprovado)/ R (reprovado).

A não aprovação dos formandos pode resultar de:

  1. Assiduidade inferior a 75% do número de horas de contacto;
  2. A não apresentação do trabalho individual/ portefólio;
  3. Um valor médio de desempenho inferior a 50%.

Certificação:
Aos  participantes será emitido:
– um certificado de frequência.

O pedido de emissão de certificado é feito por escrito para formcontinua@fba.up.pt, no final da unidade de formação, após tomada de conhecimento da avaliação,  e  a emissão está sujeita a pagamento de emolumentos no valor representado nesta tabela em vigor.

Para efeito de confirmação de falta será considerada uma tolerância de 15 minutos.

Os formandos que reprovarem por falta de assiduidade só serão considerados para formações futuras caso haja vagas sobrantes.

BIBLIOGRAFIA/ DOCUMENTAÇÃO DE APOIO:

ACTON, Mary – Learning to look at Paintings, Routledge, 2008
CHAET, Bernard – An Artist´s Notebook: Techniques and Materials, New Haven: Rinehart and Winston, 1978.
COOKE, Hereward Lester – Painting Techniques of the Masters, New York: Watson Guptill Publications, 1972.
DOERNER, Max – The Materials of the Artist and their use in Painting, with Notes on the Techniques of the Old Masters, New York: Harvest Inc., 1984.
EDWARDS Betty; Color – a course in mastering the art of mixing colours, Penguin Group, 2004
GOTTSEGEN, Mark David ;The Painter’s Handbook, Watson-Guptill Publications, 2006
HILER, Hilaire – Notes on the Techniques of Painting, New York: Watson Guptill Publications, 1969.
MAYER, Ralph; The artist handbook of material and techniques. ISBN: 0 571 11693 0
PUTTFARTEN Thomas; The discovery of pictoral composition. ISBN: 989 550 125 0
SMITH, Ray; Manual Prático do Artista, CivilizaçãoEditores, 2006.
WEHLTE, Kurt – The Materials & Techniques of Painting: With a Supplement on Color Theory, New York: Prentice Hall Press, 1975.

%d bloggers like this: